quinta-feira, 26 de junho de 2008

Além!

Uma ávida capacidade de ternura
em uma voz íntima que ecoa.
Inerte diante do infinito,
em um sentimento plácido que
brota do desejo mais íntimo.
Intríseca como o botão de uma flor,
que brilha diante do sol que se põe.

Uma inquietude desnecessária
diante da energia exalada em um sorriso.
A busca por olhares desmemoriados nesta
caminhada dentro do labirinto.
Uma recusa em ser além,
quando seu olhar é sempre além.
Lhe fazendo ganhar todos os gracejos da corte,
em que plebeus, vassalos e reis
se igualam diante de seu nobre olhar.


*Para Dandan (Foto Paulo Penicheiro/Olhares.com)

2 comentários:

Anônimo disse...

Taqueospariu! Não mereço tanto.Tô até chorando. Como bem cantou Caetano:"Vc é linda,mais que demais.Vc é linda sim...".Ti amo, dolce fiore! Bacione,Dandan.

michelle disse...

Sei não hein...Para Dandan? affff.... hehehehehe, Só sei que deu ciúmes... sniffff