quarta-feira, 2 de junho de 2010

ReEncontro


Te reencontro... em meio a multidão buscando as palavras mais elaboradas,
E as letras se misturam em um jogo de amargo e doce... te vejo.
Tu levas os gestos mais suaves ao delírio do prazer,
sacias a sede adormecida, refaz o mosaíco de momentos.
Entre as cores, os amores em cada paisagem, as descobertas que outrora se confidenciava em segredos.
Na arte te reiventas, nos sons me embalas... a cantiga dos corpos.
Entre os sabores, o ardor, esse de paixão, saciado no silêncio dos sorrisos...
perpetuado nos toques mais secretos...ecoado no prazer mais sereno...te reencontro.
(Texto: A.Z / Foto: José Pessoa/Olhares.Com)

2 comentários:

Claudinha Bártholo disse...

Uauuuu coisa boa de ler!
:)
saudade de vir aqui.
beijos mil A.Z.

Anônimo disse...

Eitaaaa...quem foi o São Jorge que acordou o dragão adormecido??? kkkk xeru! - Van